Boletim de Notícias

Cadastre-se e receba informações do CRF AP no seu correio eletrônico

Palavra do Presidente

Postado em 28/12/2016 as 21:37:14

O ano de 2020 mudou a vida de todos no planeta. Desde que o mundo conheceu o inimigo invisível, passou a mudar o foco em todas as áreas, principalmente no setor de saúde. Os recursos, desde então, sejam eles financeiros ou de pessoal, passaram a ser direcionados na guerra contra o novo coronavírus.

Entramos em 2021 e a tônica continua a mesma. Contudo, este ano trouxe nova esperança. As vacinas, pesquisadas, testadas e aprovadas em tempo recorde, graças aos avanços tecnológicos da ciência, trouxeram o afã de um novo futuro. Mas, como em toda guerra, essa luta contra a covid-19 também tem suas batalhas nos bastidores.

Infelizmente, a demanda é alta e a produção ainda é insuficiente. Com este cenário, novas batalhas menores se formam, e a briga para garantir a imunização prioritária é inevitável. Nesse contexto, posso afirmar a todos os profissionais do nosso segmento: jamais seremos omissos!

O CRF-AP tem lutado e lançado mão de todas ?armas? disponíveis para garantir o direito à vacinação contra a covid-19 para farmacêuticos e técnicos laboratoriais, tanto na rede pública, quanto no segmento privado.

Não há, sequer, nenhum debate a ser levantado acerca desses profissionais estarem atuando na linha de frente. A atuação deles diretamente no contato da ponta de qualquer sistema de saúde, seja no SUS ou particular, é muito clara. Senão, vejamos: 

As farmácias são estabelecimentos essenciais no enfrentamento ao novo coronavírus, abertas durante todo o período da pandemia. Lá, trabalham farmacêuticos 24 horas por dia, lidando diretamente com a população, com pessoas certamente infectadas.

Farmacêuticos e técnicos laboratoriais, junto com equipes multidisciplinares, atendem profissionais de UTI que cuidam de pacientes infectados, testam esses profissionais, manuseiam amostras que podem estar contaminadas.

Ademais, as autoridades de saúde não podem esquecer que estes profissionais atuam em várias atividades da saúde pública e são decisivos nas orientações à população quanto ao uso de medicamentos, nas unidades básicas de saúde, nos hospitais e nos laboratórios. Então, são profissionais de linha de frente.

Por tudo isto, não aceitaremos ficar por último fila da imunização. O Conselho vai lutar pelos profissionais até o final para que esse direito seja garantido, porque são, sim, do grupo prioritário. Vamos tomar todas as medidas cabíveis e legais para isto. 

Mas, é preciso, também, seguir a vida, olhar adiante. Portanto, paralelamente à nossa luta pelos direitos dos profissionais defendidos por esta entidade na guerra contra o vírus, estamos seguindo com o planejamento consolidado ainda na última Plenária de 2020.

Já temos o Plano de Fiscalização definido. Também já temos um cronograma de entrega de carteiras pronto para ser executado e preparado para ser reformulado conforme situações que pandemia, porventura, nos impuser.

O mundo, o Brasil e o Amapá precisam de mais profissionais na linha de frente, pois a guerra está longe de acabar. Por isto, essa agenda tem atenção especial do CRF-AP. Também temos um cronograma para treinamento, sempre obedecendo aos protocolos de proteção recomentados pelas autoridades sanitárias.

E já que neste recado estamos falando do que é justo, não poderia deixar evidenciar o apoio irrestrito e parceria que temos com o Conselho Federal de Farmácia (CFF), graças aos esforços dos Conselheiros Federais Dr. Carlos André e Dr. Marlisson.

Estamos, ainda, solidários com a luta do sindicato da categoria pelo piso salarial. Nossos profissionais estão deixando o Estado do Amapá rumo a outras unidade federativas, sobretudo no Sul do país, onde pisos salariais são definidos com valores até três vezes o proposto pela patronal que atua no estado amapaense.

Também quero destacar que tem sido fundamental e decisiva a participação dos nossos atuantes conselheiros e membros de comissões e grupos de trabalho do CRF-AP, além dos nossos colaboradores da instituição, que jamais nos deixaram na mão, sempre solícitos a dispensar o apoio e a logística necessários para que o nosso conselho de classe esteja sempre a postos para resolver os problemas da categoria. 

Portanto, conclamo a união da nossa categoria. Saibam que podemos contar conosco para estas e outras guerras e batalhas. Nos procurem, nossas portas estão sempre abertas.


Dr. Márcio Silva de Lima
Presidente do CRF-AP

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

De Segunda a Sexta-feira das 09h00 às 15h00 por agendamento.

(Atendendo ao Decreto Estadual nº 2026 e 2027de 30/06/2020)

Contato WhatsApp: (96) 98402-9836

"